O poder da Prece

prece1

”Pedi, e dar-se-vos-á; buscai e achareis; batei e abrir-se-vos-á” (Mateus 7:7)

Prece é uma palavra que vem do latim e significa discurso, oração, súplica religiosa, pedido dirigido a Deus, sermão e agradecimento.

A oração faz parte dos preceitos de todas as religiões. Na verdade, orar é reconhecer a grandeza e o amor do Pai Celeste por nós.

”A criatura que ora, mobilizando as próprias forças, realiza trabalhos de inexprimível significação. Semelhante estado psíquico descortina forças ignoradas, revela a nossa origem divina e coloca-nos em contato com as fontes superiores”, segundo Francisco C. Xavier, em Missionários da Luz, Cap. 6.

Tem mais, sobre o valor da prece, na luta contra as doenças, é muito significativo o reconhecimento da comunidade científica médica internacional. Esse posicionamento revela a importância que tem na cura das mais diversas moléstias.

Maneira de orar

Ao longo de várias passagens do Novo Testamento, Jesus esclarece que a prece eficaz é sincera. Não é feita com os lábios e uma multidão de palavras. O ideal é fazê-la ao menos duas vezes ao dia. De preferência, pela manhã, ao acordar, e à noite, antes de dormir.

Através da prece, podemos louvar e agradecer a Deus pelas bênçãos que nos concede. É claro que a oração não nos livra das dificuldades que nos cabe passar em nossas vidas. De outro lado, a oração nos protege e fortalece ante o mal.

Pois bem! A prece mais agradável a Deus é aquela que pedimos forças para suportar os problemas da vida. Afinal, é fonte de luz e paz ante os nossos problemas. A oração é medicamento de paz para todo aquele que roga com fé.

Benefícios da prece

Ela nos traz paz, harmonia e consolo. Nas doenças, aciona minúsculas partículas, de nanoelementos espirituais, que despertam a homeostasia corporal ativando forças espirituais que são fundamentais na promoção do processo de cura. Enfim, orar é confiar em Deus e conquistar a paz íntima.

Portanto, ela é indispensável ao nosso bem-estar emocional e espiritual. É o melhor alimento para o equilíbrio do nosso espírito. Quem ora alcança as bênçãos que necessita. Nossos pedidos devem estar em sintonia com o amor e perdão, não devem ser de natureza material. Outra coisa: orar anula energias, de vibração espiritual, contrárias ao amor.

Em conclusão, não há dúvida que a oração proporciona melhor qualidade de vida. Através dela, temos a oportunidade de praticar a Lei de Amor, em favor do nosso semelhante e nós mesmos. Mais ainda, quem ora recebe a ajuda dos benfeitores espirituais, que nos amparam e auxiliam quando necessitamos. Em uma palavra, a prece é ato de reverência.

Ricardo Santos (Revista Cristã Espirita – Dezembro/2011)

Gostou? Deixe aqui seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s