Receita contra o Egoísmo

egoismo1- Procure esquecer o lado escuro da personalidade do próximo.
2- Aprenda a ouvir com calma os longos apontamentos do seu irmão, sem o impulso de interromper-lhe a palavra.
3- Olvide a ilusão de que seus parentes são as melhores pessoas do mundo e de que a sua casa deve merecer privilégios especiais.
4- Não dispute a paternidade das ideias proveitosas, ainda mesmo que hajam atravessado o seu pensamento, de vez que a autoria de todos os serviços de elevação pertence, em seus alicerces, a Jesus, nosso Mestre e Senhor.
5- Não cultive referências à sua própria pessoa, para que a vaidade não faça ninho em seu coração.
6- Escute com serenidade e silêncio as observações ásperas dos seus superiores hierárquicos e auxilie, com calma e bondade, os companheiros ou subalternos, quando estiverem tocados pela nuvem da perturbação.
7- Receba com carinho as pessoas neurastênicas ou desarvoradas, vacinando o seu fígado e a sua cabeça contra a intemperança mental.
8- Abandone toda espécie de crítica, compreendendo que você poderia estar no banco da reprovação.
9 – Habitue-se a respeitar as criaturas que adotem pontos de vista diferentes dos seus e que elegeram um gênero de felicidade diversa da sua, para viverem na Terra com o necessário equilíbrio.
10 – Honre a caridade em sua própria casa, ajudando, em primeiro lugar, aos seus próprios familiares, através do rigoroso desempenho de suas obrigações, para que você esteja realmente habilitado a servir ao Mundo e à Humanidade, hoje e sempre.

André Luiz pelo médium Chico Xavier

Dez maneiras de amar a nós mesmos

self hug

1 – Disciplinar os próprios impulsos.

2 – Trabalhar, cada dia, produzindo o melhor que pudermos.

3 – Atender aos bons conselhos que traçamos para os outros.

4 – Aceitar sem revolta a crítica e a reprovação.

5 – Esquecer as faltas alheias sem desculpar as nossas.

6 – Evitar as conversações inúteis.

7 – Receber o sofrimento o processo de nossa educação.

8 – Calar diante da ofensa, retribuindo o mal com o bem.

9 – Ajudar a todos, sem exigir qualquer pagamento de gratidão.

10 – Repetir as lições edificantes, tantas vezes quantas se fizerem necessárias, perseverando no aperfeiçoamento de nós mesmos sem desanimar e colocando-nos a serviço do Divino Mestre, hoje e sempre.

Francisco Cândido Xavier. Da obra: Paz e Renovação.
Ditado pelo Espírito André Luiz.

Talvez Hoje

formigasolSurgirá quem procure ditar-lhe o que você precisa fazer, entretanto, embora agradecendo as elogiáveis intenções de quem lhe oferece pontos de vista, ouça, antes de tudo, a sua própria consciência quanto ao dever que lhe cabe;

É possível apareça algum coração amigo impondo-lhe quadros de pessimismo e perturbação, relativamente às dificuldades do mundo; compadecendo-se, porém, da criatura que se entrega ao derrotismo e ao desânimo, você observará a renovação para o bem que a Sabedoria Divina promove em toda parte;

É provável que essa ou aquela pessoa queira impor a você idéias de fadiga e doenças; mas conquanto a sua gratidão aos que lhe desejem bem estar, você prosseguirá trabalhando e servindo ao alcance de suas forças;

Possivelmente, notícias menos agradáveis venham a suscitar-lhe inquietações e traçar-lhe problemas; no entanto, você conservará a própria paz e não se desligará das suas orações e pensamentos de otimismo e esperança.

Talvez hoje tudo pareça contra você, mas você prosseguirá compreendendo e agindo, em apoio do bem, guardando a certeza de que Deus está conosco e de que amanhã será outro dia.

pelo espirito André Luiz

Ante aos Pequeninos

ante-pequeninos

criança é uma edificação espiritual dos responsáveis por ela.Não existe criança – nem uma só – que não solicite amor e auxilio, educação e entendimento.

Cada pequenino, conquanto seja, via de regra, um espírito adulto, traz o celebro extremamente sensível pelo fato de estar reiniciando o trabalho da reencarnação, tornando-se, por isso mesmo, um observador rigorista de tudo o que você fala e faz.

A mente infantil dar-nos-á de volta, no futuro, tudo aquilo que lhe dermos agora.

Toda criança é um mundo espiritual em construção ou reconstrução, solicitando material digno a fim de consolidar-se.

Ajude os meninos de hoje a pensar com acerto dialogando com eles, dentro das normas do respeito e sinceridade que você espera dos outros em relação a você.

A criança é um capitulo especial no livro do seu dia-a-dia.

Não tente transfigurar seus filhinhos em bibelôs, apaixonadamente guardados, porque são eles espíritos eternos, como acontece a nos, e chegara o dia em que despedaçarão perante você mesmo quaisquer amarras de ilusão.

Se você encontra algum pirralho de maneiras desabridas ou de formação inconveniente, não estabeleça censura, reconhecendo que o serviço de reeducação dele, na essência pertence aos pais ou aos responsáveis e não a você.

Se veio a sofrer algum prejuízo em casa, por depredações de pequeninos travessos, esqueça isso, refletindo no amor e na consideração que você deve aos adultos que respondem por eles.

Xavier, Francisco Cândido. Da obra: Sinal Verde.
Ditado pelo Espírito André Luiz.
42a edição. Uberaba-MG: CEC, 1996.

Calma

Restabelecer-a-calma-ea-paz

Se você está no ponto de estourar mentalmente, silencie alguns instantes para pensar.

Se o motivo é moléstia no próprio corpo, a intranquilidade traz o pior.

Se a razão é enfermidade em pessoa querida, o seu desajuste é fator agravante.

Se você sofreu prejuízos materiais, a reclamação é bomba atrasada, lançando caso novo.

Se perdeu alguma afeição, a queixa tornará você uma pessoa menos simpática, junto de outros amigos.

Se deixou alguma oportunidade valiosa para trás, a inquietação é desperdício de tempo.

Se contrariedades aparecem, o ato de esbravejar afastará de você o concurso espontâneo.

Se você praticou um erro, o desespero é porta aberta a faltas maiores.

Se você não atingiu o que desejava, a impaciência fará mais larga a distância entre você e o objetivo a alcançar.

Seja qual for a dificuldade, conserve a calma, trabalhando, porque, em todo problema, a serenidade é o teto da alma, pedindo o serviço por solução.

André Luiz
Psicografia de Francisco Cândido Xavier

Se você puder.

1positivo

Se você puder, hoje ainda: olvide contratempos e mostre um sorriso mais amplo para aqueles que lhe compartilham a vida; dê mais um toque de felicidade e beleza em seu recanto doméstico; faça a visita, mesmo ligeira, ao doente que você deseja reconfortar; escreva, ainda que seja simples bilhete, transmitindo esperança e tranquilidade em favor de alguém; melhore os seus conhecimentos, no setor de trabalho a que esteja empregando o seu tempo; estenda algo mais de otimismo e de alegria aos que se encontrem nas suas faixas de convivências; procure esquecer – mas esquecer mesmo – tudo o que se lhe faça motivo  de tristeza ou aborrecimento; leia alguma página edificante e escute música que pacifique o coração; dedique alguns minutos à meditação e à prece; pratique, pelo menos, uma boa ação sem contar isso a ninguém.
Estas indicações de apoio espiritual, se forem observadas, farão grande bem aos outros, mas especialmente a você mesmo…

(André Luiz, da mensagem “Se Você Puder”, Respostas da Vida, Francisco C. Xavier)

Desculpar

bandeira-branca

Desculpe e você compreenderá.
Onde existe amor não há lugar para ressentimento.
— o —
Ao colocar-se na condição de quem erra, seja
qual seja o problema, de imediato, você notará que a compaixão nos dissolve qualquer sombra de crítica.
— o —
A existência humana é uma coleção de testes em que a Divina Sabedoria nos observa, com vistas à nossa habilitação para a Vida Superior; quem hoje condena o próximo não sabe que talvez amanhã esteja enfrentando os mesmos problemas daqueles companheiros presentemente em dificuldade.
— o —
Nos esquemas da Eterna Justiça, o perdão é a luz que extingue as trevas.
— o —
As vezes, aquilo que parece ofensa é o socorro
oculto do Mundo Espiritual em seu benefício.
— o —
A misericórdia vai além do perdão, criando o esquecimento do mal.
— o —
Em muitas ocasiões, a Divina Providência nos permite erro para que aprendamos a perdoar.
— o —
A indulgência é a fonte que lava os venenos da culpa.
— o —
Perdão é a fórmula da paz.
— o —
Aprendamos a tolerar, para que sejamos tolerados.

André Luiz pelo médium Chico Xavier